FacebookTwitterYoutubeInstagramWhatsapp

Plataforma de Atualização Diária

Imagem Desdobramento
Bem-Estar
Sabia que os gatos escolhem a sua alimentação?
segunda-feira, 11 julho 2016 12:14

Nunca pensou nisso? Muitas vezes, os gatos adoram a alimentação nova que escolhemos para eles, contudo, com o passar do tempo, começam a torcer o nariz.

 

Um divulgado recente do Waltham Centre for Pet Nutrition, em parceria com a Universidade de Sydney, revelou que os gatos domésticos escolhem a sua alimentação com base na combinação perfeita entre o sabor e o valor nutritivo. Quando o seu gato deixa de comer a alimentação habitual trata-se apenas de maior exigência com a sua nutrição.

O estudo concluiu que os gatos vão conhecendo o teor de gorduras e proteínas no seu alimento, acabando por controlar a ingestão do que comem.

Atualmente, a ciência veterinária considera que a obesidade nos animais de estimação é uma doença, demonstrando que três em cada dez gatos sofrem de excesso de peso ou são obesos. A alimentação desequilibrada, que acontece quando o gato recebe prémios em forma de comida, é a principal causa deste problema.

Ao contrário do ser humano, que é omnívoro, dotado de paladar, e que aprecia a variedade de alimentos, o organismo do gato está dimensionado de uma forma muito diferente do nosso: as suas mandíbulas foram concebidas para cortar e não para mastigar, sem pré-digestão pela saliva, um estômago concebido para digerir “presas” engolidas rapidamente e um tubo digestivo relativamente curto.

O gato realiza, em média, dez a 20 refeições diárias e de cada vez, sendo que cada refeição não dura mais do que um ou dois minutos. No total, o gato consome menos 30 minutos por dia com a sua alimentação.

Nas próximas compras escolha a alimentação que seja a mais adequadas ás verdadeiras necessidades e especificidades do animal, já que é ele quem escolhe.

PUBLICIDADE

"Fumar é uma droga"

"Fumar é uma droga"

© 2019 Vital Health | Todos os direitos reservados | Designed by IPSPOT_ and Developed by Webview