FacebookTwitterYoutubeInstagramWhatsapp

Plataforma de Atualização Diária

Imagem Desdobramento
Dicas
Fechado em casa sem saber o que fazer? O Vital Health ajuda-o
quarta-feira, 15 abril 2020 12:41
Já não sabe o que fazer durante a quarentena? O Vital Health reuniu um conjunto de atividades para que nunca mais considere o sofá como a melhor opção. Desde ler, a viajar sem sair de casa, desvendamos-lhe como se entreter durante o período de isolamento social.
 
Limpe o pó daquele livro que começou há meses e ponha a leitura em dia
 
Quer prefira livros em papel ou cópias digitais, não tem desculpa para voltar àquele clássico que largou há meses. Pode também aproveitar as promoções da época para dar uma nova cor à sua estante, ou as inúmeras páginas de download de livros grátis, como é o caso do Project Gutenberg, a mais antiga biblioteca digital do mundo, a Open Library, para livros de acesso livre ou que já não se encontram disponíveis no mercado, ou ainda a Amazon, que disponibiliza de forma gratuita sobretudo clássicos cujos direitos de autor já expiraram.
 
 
Visite museus no outro lado do mundo, sem sair do sofá
 
Através da ferramenta do Google “Museum Views”, poderá viajar por todo o lado sem sair de casa. Basta aceder à página, escolher o museu que quer visitar e nunca mais ficará aborrecido.
 
 
Escreva, escreva, escreva
 
Mesmo que não goste de escrever, escreva. O importante é que exprima os seus sentimentos de forma livre e escreva sobre a sua rotina. Não tente resolver tudo agora. De acordo com um estudo realizado no princípio do século por uma equipa de psicólogos norte-americanos, quando se está passar por um acontecimento traumático ou particularmente stressante “a nossa capacidade de concentração não é a que deveria ser”, pelo que se torna muito difícil definir “estratégias de enfrentamento”. Apenas 20 minutos de escrita podem melhorar a sua capacidade de concentração e ter efeitos na sua saúde física e mental, concluíram. Assim, escreva.
 
 
Se tiver filhos, volte a ser criança por umas horas e passe tempo com eles
 
Lembre-se que os seus filhos também estão a sofrer com o isolamento social. Tente passar tempo com eles, quer seja a ver os seus desenhos animados preferidos, ou a fazer uma maratona de dança. Puzzles, legos e jogos de computador também são uma boa opção para manter os mais pequenos entretidos.
 
 
Deixe o sofá e mexa-se por 30 minutos
 
Adote um estilo de vida saudável e junte-se às inúmeras iniciativas online, quer no Youtube, por entidades independentes, quer dos ginásios. Experimente diversos programas e descubra qual o mais indicado para si. Desde yoga e pilates, a treino de força, todos são boas opções para o meter a mexer, pelo menos 30 minutos por dia.
 
 
Pense no que quer fazer depois da quarentena
 
Faça uma “bucket list” com tudo aquilo que quer fazer depois do isolamento social. Quer seja comprometer-se a passar mais tempo com a sua família, ou ideias mais elaboradas, como uma viagem a um local remoto, aponte-o. Mesmo que não o cumpra, pode vir a ser uma boa memória.
 
 
Faça aquilo que sempre disse não ter tempo para fazer
 
Sempre quis aprender a fazer ponto cruz? Voltar a pintar? Escrever um livro? Agora é o momento. Se não está em regime de teletrabalho, aproveite para fazer aquilo que lhe dá prazer e que sempre se queixou de não terminar “por falta de tempo”.
 
 
Aposte na sua educação e inscreva-se em cursos online
 
São milhares as páginas que disponibilizam cursos online de forma gratuita ou por pequenas quantias, para que melhore o seu currículo e a sua educação. A plataforma Coursera é uma delas, oferecendo cursos em universidades da Ivy League. Se preferir universidades do vizinho Reino Unido, a plataforma Future Learn é para si. Sendo fruto de uma parceria entre a The Open University e The SEEK Group, o serviço oferece cursos em todos os temas que possa imaginar. Aventure-se!
 
 
Sinta-se agradecido por estar em casa, seguro
 
Não se esqueça de que muitos gostariam de estar no seu lugar. Pense em todos os profissionais de saúde na linha da frente contra esta nova ameaça, e em todos os trabalhadores de primeira necessidade, que saem à rua diariamente para que não lhe falte nada. Pode estar farto de estar em casa, fechado com a sua família, mas lembre-se: está em casa, seguro. Muitos não podem dizer o mesmo.
 
 
 
Se a sua saúde mental está a sofrer com o isolamento, reveja o artigo do Vital Health sobre o tema em: https://www.vitalhealth.pt/dicas/8240-como-manter-o-seu-bem-estar-psicol%C3%B3gico-em-tempos-de-pandemia.html

PUBLICIDADE

"Fumar é uma droga"

"Fumar é uma droga"

© 2020 Vital Health | Todos os direitos reservados | Designed by IPSPOT_ and Developed by Webview