FacebookTwitterYoutubeInstagramWhatsapp

Plataforma de Atualização Diária

Imagem Desdobramento
Iniciativas
Concurso “Hora do Sol Saudável” quer mudar hábitos de exposição solar
terça-feira, 12 abril 2016 13:00

A Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC), em parceria com a Garnier Ambre Solaire e o Ministério da Educação, lançaram a 3.ª edição do concurso “Hora do Sol Saudável”.

 

As duas instituições contam com a participação dos D.A.M.A, que criaram uma música e respetivo videoclip, onde figuram algumas mensagens importantes sobre proteção solar, numa versão alegre, divertida e com uma visão consciente dos perigos de uma exposição solar incorreta.

Com a associação a esta banda musical, a 3.ª edição da “Hora do Sol Saudável” lança o desafio a todos os alunos do 1.º ciclo, do ensino público e privado, a fazer um vídeo, inspirando-se na música do movimento “Juntos Por um Sol Saudável”.

O concurso arrancou ontem, dia 11 de abril e, após a inscrição, as turmas recebem um kit pedagógico sobre a campanha. As mesmas têm até dia 16 de maio para participar fazendo o upload do vídeo em www.horadosolsaudavel.pt.

Os vencedores serão divulgados no dia 1 de junho (Dia Mundial da Criança) e a escola vencedora receberá um prémio de 2.500 euros, juntamente com um tablet que será atribuído ao professor responsável pela turma vencedora e ainda bilhetes para um concerto dos D.A.M.A. Adicionalmente, o 2.º lugar receberá 1000 euros e o 3.º lugar um prémio no valor de 500€.

O júri do concurso será composto por um elemento representante das partes envolvidas, LPCC, Direção-Geral da Educação, Garnier Ambre Solaire e pelos D.A.M.A.

“Juntos por Um Sol Saudável”

O movimento "Juntos Por Um Sol Saudável" tem como objetivo angariar 100 mil euros em donativos para a instituição. Este ano, por cada embalagem de Ambre Solaire vendida, serão doados 10 cêntimos para a causa da LPCC, traduzindo-se num aumento significativo do valor a doar à instituição, face aos anos anteriores.

Portugal tem a cada ano 10.000 novos casos de cancro de pele. De acordo com a OMS, independentemente da hereditariedade e do tipo ou cor de pele, 70% dos casos de cancro de pele poderiam ser evitados se houvesse uma mudança no comportamento e hábitos de exposição ao sol.

PUBLICIDADE

Por vezes mais é menos

Por vezes mais é menos

© 2019 Vital Health | Todos os direitos reservados | Designed by IPSPOT_ and Developed by Webview