FacebookTwitterYoutubeInstagramWhatsapp

Plataforma de Atualização Diária

Imagem Desdobramento
Iniciativas
92% das crianças esquecem-se que estão num hospital graças aos Doutores Palhaços
terça-feira, 14 junho 2016 12:25

A Operação Nariz Vermelho vai apresentar em seis hospitais da região de Lisboa os resultados de um projeto de investigação desenvolvido nos últimos seis anos, em parceria com o Centro de Investigação em Educação da Universidade do Minho, que vem comprovar os benefícios da intervenção dos Doutores Palhaços na recuperação das crianças hospitalizadas.

 

Os resultados foram compilados num livro intitulado “Rir é o melhor remédio?”, no qual se comprova que 92% das crianças esquecem-se que estão num hospital quando são visitadas pelos Doutores Palhaços da ONV. A investigação apresenta conclusões irrefutáveis no que respeita ao trabalho dos Doutores Palhaços e à sua credibilidade. “Estes resultados reflectem as evidências científicas do nosso trabalho junto das crianças, familiares e profissionais de saúde” explica Susana Ribeiro, coordenadora do Núcleo de Investigação da ONV. “Há muito que conhecemos este impacto e agora o “Rir é o melhor remédio?” permite-nos partilhá-lo com a sociedade”, reforça a responsável.

São os próprios profissionais de saúde que o reconhecem: 92% indicam que os Doutores Palhaços ajudam as crianças a esquecerem que estão num hospital, 85% referem que as crianças colaboraram mais com os tratamentos ou exames e 73% sublinham que as crianças apresentam maiores e/ou mais rápidas evidências clínicas de melhora após contacto com os Doutores Palhaços da ONV.

Entre os familiares e acompanhantes das crianças a satisfação também é evidente. Entre os inquiridos para esta investigação, em vários hospitais do país visitados pela ONV, 99% dos pais sentem gratidão pelos Doutores Palhaços. Ainda, 98% dos pais consideram que os Doutores Palhaços são uma parte importante da equipa de cuidados das crianças hospitalizadas e 99% referem que gostariam que os Doutores Palhaços visitassem as crianças com mais frequência.

A produção do livro “Rir é o melhor remédio?” foi possível através do Mecanismo Financeiro do Espaço Económico Europeu (EEA Grants), tendo como Estados doadores a Noruega, a Islândia e o Liechtenstein. Em Portugal a gestão destes fundos está a cargo da Fundação Calouste Gulbenkian.

Conheça o projeto em www.narizvermelho.pt.

PUBLICIDADE

Por vezes mais é menos

Por vezes mais é menos

© 2019 Vital Health | Todos os direitos reservados | Designed by IPSPOT_ and Developed by Webview