FacebookTwitterYoutubeInstagramWhatsapp

Plataforma de Atualização Diária

Imagem Desdobramento
Iniciativas
"1500 razões para estarmos próximos" encara os desafios enfrentados pelas mulheres jovens com cancro da mama
sexta-feira, 22 março 2019 09:07

A Unidade da Mama CUF chegou aos 12 anos. Para assinalar o aniversário, a CUF Instituto de Oncologia apela à proximidade entre doentes, cuidadores e profissionais de saúde com o lançamento do Programa “#1500 razões para estarmos próximos”. A iniciativa conta com vários encontros de norte ao sul do país. Saiba quando e onde.



"Em Portugal, cerca de 85% das mulheres diagnosticadas com cancro da mama em estadios iniciais sobrevivem à doença. Embora a taxa de sobrevivência seja das mais elevadas em doença oncológica, infelizmente ainda morrem todos os anos 1500 portuguesas. Por isso, temos #1500razões para estarmos próximos, para falarmos abertamente dos desafios que se colocam desde o momento do diagnóstico ao pós cancro”, explica Ida Negreiros, coordenadora da Unidade da Mama da CUF Lisboa.

 

O Programa é um compromisso para os próximos 12 anos da Unidade, tendo como objetivo criar espaços para conversas, para compreender e responder aos desafios que as mulheres jovens com cancro da mama enfrentam.

 

“O diagnóstico de cancro da mama em mulheres jovens, entre os 35 e 45 anos é uma realidade crescente. Um diagnóstico de cancro da mama é difícil em qualquer idade, porém tê-lo mais jovem torna-se particularmente exigente pelo peso que tendemos a colocar no futuro: da vida conjugal, dos planos de maternidade e dos projetos profissionais” reforça Ida Negreiros.
 

No desenvolvimento deste Programa estiveram envolvidos médicos, enfermeiros, psicólogos, nutricionistas, gestores oncológicos e jovens mulheres com cancro da mama - que começaram por identificar muitos dos desafios que as mulheres jovens enfrentam, para depois poderem criar uma agenda focada nesses mesmos desafios.

 

“#1500 razões para estarmos próximos” conta já com um conjunto alargado de iniciativas com entrada livre, mas sujeita a inscrições. Veja quais:

 

Encontros “Os desafios da mulher jovem com cancro da mama” - Cinco encontros em cinco cidades, de norte a sul do país, em formato de conferência com especialistas de cancro da mama e com a participação ativa de mulheres jovens com cancro da mama que partilham o seu testemunho e dúvidas sobre temas como, a qualidade de vida conjugal/sexualidade, a maternidade e a preservação da fertilidade, a imagem corporal e a autoconsideração, o impacto no trabalho e a vida depois do cancro.

 

Lisboa | 28 de maio - Centro do Conhecimento, Hospital CUF Descobertas
Santarém | 5 de junho - Hospital CUF Santarém
Porto | 11 de junho - Hospital CUF Porto
Coimbra | 25 de setembro - local a designar
Viseu | 24 de outubro - Hospital CUF Viseu
CUF Hackathon | Viver com Cancro da Mama, no dia 30 de junho no Centro do Conhecimento do Hospital CUF Descobertas, em Lisboa.

 

Este último encontro tem o objetivo de desenvolver ideias capazes de responder às necessidades de ferramentas digitais de suporte à vivência da mulher jovem com cancro da mama e, por isso, a CUF Instituto de Oncologia convida a comunidade universitária a participar.

 

Para além disso, uma equipa multidisciplinar de investigadores do Instituto de Saúde Ambiental da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa vai desenvolver um estudo qualitativo das diferentes dimensões da comunicação verbal e não-verbal, sobre a linguagem na vivência do cancro da mama “COMUNICAR É CUIDAR”.

 

#1500 razões para evitar o cancro da mama - Consulta de Diagnóstico Precoce: de 19 a 31 de outubro, irá decorrer em várias Unidades da CUF, mais uma edição da campanha da CUF Instituto de Oncologia para o diagnóstico precoce do cancro da mama.

 

A CUF acredita que a proximidade das equipas clínicas e todo o ambiente em torno da doente com cancro contribui para melhores resultados em saúde.

 

"Estamos certos que ao longo do Programa teremos profissionais de saúde com uma resposta cada vez mais sensível e direcionada às vivências da doença. Em sintonia, teremos jovens cada vez mais envolvidas e informadas sobre os momentos que vivenciam ao longo da doença e com maior capacidade para ultrapassar situações críticas", acrescenta Ida Negreiros.

 

Para mais informações sobre o Programa e também para registar a inscrição pode consultar o site.

PUBLICIDADE

Por vezes mais é menos

Por vezes mais é menos

© 2019 Vital Health | Todos os direitos reservados | Designed by IPSPOT_ and Developed by Webview