FacebookTwitterYoutubeInstagramWhatsapp

Plataforma de Atualização Diária

quinta-feira, 12 novembro 2015 11:00

Dia Mundial da Pneumonia: vacinação é fundamental

Hoje, 12 de novembro, assinala-se o Dia Mundial da Pneumonia, uma doença que em Portugal, só nos hospitais públicos, mata uma média de 23 pessoas por dia. Leia aqui a opinião do especialista Carlos Robalo Cordeiro, presidente da Sociedade Portuguesa de Pneumologia, sobre os fatores de risco e formas de prevenção desta doença.

Publicado em Opinião

É necessário mudar as mentalidades relativamente à vacinaçãoA gripe é, na realidade, uma doença mortal e tão ou mais mortal que tantas outras doenças que são notícia comum dos meios de informação. Habitualmente, a gripe aparece sobre a forma de surtos ou de epidemias (mesmo pandemias) atacando em particular os mais frágeis como os mais idosos, os imunodeprimidos, os portadores de doenças crónicas e, também, os mais novos.

Publicado em Opinião

Farmácias de norte a sul do país vão passar a ter informação sobre as diferentes vacinas existentes, com o objetivo de sensibilizar os seus benefícios e desmistificar alguns dos mitos associados.

 

Publicado em Iniciativas
Com consequências graves, a pneumonia é a responsável por 81 internamentos diários, podendo mesmo levar à morte. Todos os dias morrem 16 pessoas com pneumonia, o equivalente a uma morte a cada 90 minutos. A nível mundial, o pneumococo está na origem de 1.6 milhões de óbitos anuais, sendo por isso uma das principais causas de morte preveníveis através de vacinação. Crianças pequenas e idosos são os mais vulneráveis a esta bactéria. A vacinação antipneumocócica é a melhor forma de prevenção.

 

Publicado em Opinião
terça-feira, 03 janeiro 2017 11:11

Entrou em vigor novo plano de vacinação

O novo Programa Nacional de Vacinação (PNV) entra em vigor em janeiro de 2017. Sublinhando a importância da vacinação ao longo do ciclo de vida, a atualização do PNV consiste em novos esquemas vacinais gerais, em função da idade e do estado vacinal anterior e ainda esquemas vacinais específicos para grupos de risco ou em circunstâncias especiais.

 

Publicado em Saúde
sexta-feira, 28 abril 2017 15:08

Vacinas são essenciais e fundamentais

Em entrevista ao Jornal de Saúde Pública, Luís Varandas, pediatra e presidente da Sociedade de Infeciologia Pediátrica, expõe a sua perspetiva sobre o papel das vacinas na sociedade e a importância do Programa Nacional de Vacinação (PNV). “Todos nós sabemos que as vacinas não só resultam, como são necessárias, essenciais e fundamentais para o controlo de muitas das doenças infecciosas”, defende o especialista.

 

Publicado em Saúde Pública
Para Libério Ribeiro, pediatra e presidente da Sociedade de Alergologia Pediátrica, a edução para a Saúde é fundamental e deve ser facultada junto da população, uma vez que defende que esta é a melhor arma para desmitificar ideias que não têm qualquer sustentação científica, como é o caso dos perigos da vacinação.

 

Publicado em Saúde Pública
Comemoraram-se, em 2015/2016, os 50 anos do Programa Nacional de Vacinação (PNV). Universal e gratuito, é o programa de saúde mais antigo e custo-efetivo do país. Teve início a 4 de outubro de 1965 com uma campanha em massa de vacinação contra a poliomielite, a chamada paralisia infantil, doença grave e devastadora, motivo de medo e causa de morte ou de sequelas para toda a vida, tornando-se, portanto, “muito temida”.

 

Publicado em Saúde Pública
sexta-feira, 28 abril 2017 15:34

Como atuam as vacinas

As vacinas ajudam a proteger-nos de doenças, induzindo de forma muito hábil a imunidade no nosso corpo. As vacinas apresentam ao nosso corpo uma substância inofensiva reconhecível como sendo uma ‘infeção’ – por exemplo, um vírus ou bactéria inativados. Essa fórmula engana o sistema imunitário e induz o corpo a produzir anticorpos e memória imunológica, que, em seguida, irão conferir proteção se ocorrer a exposição à infeção real.

 

Publicado em Saúde Pública

Em Portugal, a vacinação contra o vírus do papiloma humano (HPV), no âmbito do Plano Nacional de Vacinação (PNV), teve início em 2008, com a vacina quadrivalente. Em janeiro deste ano, passou a estar disponível a nova vacina nonavalente, que substituiu a anterior e que abrange, de forma gratuita, todas as meninas com 10 anos de idade residentes em Portugal.

 

Publicado em Saúde Pública
Pág. 1 de 4

PUBLICIDADE

Por vezes mais é menos

Por vezes mais é menos

© 2019 Vital Health | Todos os direitos reservados | Designed by IPSPOT_ and Developed by Webview