FacebookTwitterYoutubeInstagramWhatsapp

Plataforma de Atualização Diária

Opinião
Calor e transpiração podem originar micoses nos pés
segunda-feira, 20 julho 2020 11:40
Por: Francisco Oliveira Freitas, podologista responsável do Centro de Podologia de Famalicão
Calor e transpiração podem originar micoses nos pés
Transpirar dos pés é uma resposta biológica e fundamental para controlar a sua temperatura e manter a flexibilidade da pele, contudo, ao contrário de outras áreas do corpo através das quais pode evaporar facilmente, o uso de sapatos e meias pode levar à retenção de suor. Como o excesso de transpiração é naturalmente mais comum nas alturas de calor, é importante prevenir a concentração de humidade no calçado, que propicia o desenvolvimento de micoses (fungos), como por exemplo o pé de atleta (uma das micoses mais comuns).
 
No verão deve optar por calçado arejado e que permita a ventilação do pé. Se optar por calçado fechado, deve dar preferência ao calçado em pele, e deve, sempre que possível, usar meias de fibras naturais (preferencialmente de algodão), e, se necessário, isto é, se estiverem molhadas da transpiração, deve trocar as meias. Recomenda-se também que coloque os sapatos a arejar num local ventilado e que só volte a calçar os mesmos sapatos novamente, 24 horas depois.
 
Em caso de excesso de transpiração deve usar antitranspirante específico para os pés, e nunca deve partilhar objetos pessoais, como meias ou sapatos.
 
Para evitar a exposição aos fungos pelo contacto com superfícies contaminadas, é crucial usar sempre chinelos em locais húmidos, nas zonas de banho, como piscinas e balneários públicos. Embora não se possa garantir que evite a 100% a probabilidade de sermos contagiados, usando-os estamos bem mais protegidos contra este tipo de infeções. Doentes com diabetes e com o sistema imunitário debilitado devem ter cuidados redobrados.
 
Durante a estação mais quente do ano recomenda-se ainda que mantenha uma higiene cuidada dos pés, lavando-os com sabão de pH neutro e, após a lavagem, deve fazer uma hidratação diária. Não se esqueça de secar bem os pés com a toalha, especialmente os espaços entre os dedos.
 
Caso detete algum sintoma de infeção no pé ou se não conseguir controlar a transpiração excessiva deve marcar uma consulta com um podologista, para um diagnóstico e tratamento adequados.

PUBLICIDADE

© 2020 Vital Health | Todos os direitos reservados | Designed by IPSPOT_ and Developed by Webview