FacebookTwitterYoutubeInstagramWhatsapp

Plataforma de Atualização Diária

Associação SER+ promove ativismo na área do VIH no feminino
quarta-feira, 23 outubro 2013 09:52

sermais ccd69A SER+, Associação Portuguesa para a Prevenção e Desafio à SIDA, promove no dia 25 de outubro, às 19h30 no restaurante La Villa, no Estoril, o SER+ Mulher Meeting. A iniciativa tem como objetivo fomentar a debate sobre a infeção pelo VIH nas mulheres portuguesas e, simultaneamente, promover o ativismo na área do VIH no feminino, ou seja, o papel ativo das mulheres na luta pelos seus direitos enquanto portadoras de VIH.

 

 

 

A iniciativa vai contar com a presença de mulheres de várias áreas da sociedade portuguesa, das artes à política, infetadas pelo VIH ou não. Para além das apresentações, vai ser apresentada a campanha "Só Precisamos Saber Ouvir". Trata-se de um filme emotivo que conta a história de uma mulher que foi infetada pelo VIH que teve de ter a coragem de contar à filha e de aprender a viver com uma nova realidade.

 

"A principal mensagem que queremos passar é o ativismo na área do VIH e foi com o propósito de preparar as mulheres que se deparam com questões relacionadas com a sua infeção e os seus direitos que resolvemos desenvolver o programa Ativismo no Feminino", refere Andreia Pinto Ferreira, coordenadora da SER+. E explica: "Este programa, composto por 10 encontros semanais onde se partilham vulnerabilidades e formas de combater a doença, pretende levar as participantes a refletir sobre a forma como vivem a sua infeção e qual o papel que gostariam de assumir na luta pela defesa dos direitos das mulheres que vivem com o VIH".

 

Sabia...
Que dos 34 milhões de adultos que vivem com o VIH, em todo o mundo, metade são Mulheres?
Que em Portugal, 26.4% dos 41 035 casos notificados, são Mulheres?
Que numa relação sexual, por razões biológicas, as Mulheres incorrem, duas vezes mais do que os homens, num risco de se infetarem?
Que as Mulheres objeto de violência sexual estão no topo da vulnerabilidade à infeção devido à falta da utilização de preservativos e aos traumatismos das violações?
Que o preservativo feminino é o único instrumento atualmente existente que pode, se usado de forma correta, ajudar a Mulher a proteger-se da infeção apesar da sua utilização implicar algum nível de cooperação por parte do homem?

 

 

 

 

 

 

PUBLICIDADE

© 2020 Vital Health | Todos os direitos reservados | Designed by IPSPOT_ and Developed by Webview