FacebookTwitterYoutubeInstagramWhatsapp

VIH: cura funcional observada em 14 adultos

artigo virusHIV copyInvestigadores do hospital Necker de Paris anunciaram a observação de cura funcional em 14 adultos seropositivos. A equipa, liderada por Christine Rouzioux, avançou com a descoberta durante o congresso internacional da sida nos EUA e o estudo foi publicado na revista online PloS Pathogens.

 


A notícia avançada pelo jornal Público informa que os 14 adultos seropositivos, participantes do estudo "Visconti", vivem em França e fizeram o tratamento antirretroviral nas dez semanas a seguir à infeção. Após sete anos e meio de terem interrompido o tratamento, continuam a controlar naturalmente o vírus da sida presente no organismo.


O jornal explica que o VIH não foi totalmente erradicado do organismo destes indivíduos, mas a sua presença é tão ténue que o próprio sistema imunitário consegue controlá-lo. Sublinha também o facto de não terem o perfil genético das pessoas que são imunes ao vírus, as quais representam menos de um por cento da população em geral.


Ainda existem muitos aspetos a aprofundar. Por exemplo, os investigadores não sabem se a cura funcional está associada ao tratamento precoce. Porém, serve para descobrir novos mecanismos de controlo da infeção.


É mais uma novidade nesta área num curto espaço de tempo. De lembrar o caso de cura funcional divulgado no início do mês pela equipa de Deborah Persaud, da Universidade Johns Hopkins, referente à cura funcional do bebé norte-americano infetado durante a gestação.


Fonte: Público
Foto: freedigitalphotos.net

 

© 2018 Vital Health | Todos os direitos reservados | Designed by IPSPOT_ and Developed by Webview