FacebookTwitterYoutubeInstagramWhatsapp

Plataforma de Atualização Diária

Imagem Desdobramento
Saúde
Pokémon Go: mundo virtual pode causar lesões reais
quinta-feira, 21 julho 2016 12:20

A febre da nova aplicação da Niantic, a qual chegou a Portugal na passada sexta-feira, já parece ter conquistado mais adeptos do que aqueles que festejaram a vitória do país na final do Euro.

 

Embora os portugueses voltem a sair à rua para percorrer dezenas de quilómetros de caminhadas, o número de horas em que o pescoço fica curvado a um smartphone é preocupante.

Face a esta tendência, a Associação Nacional Spine Matter lança um alerta para relembrar a facilidade de quedas, tropeções, entorses e encontrões com potencial de perigo neste público, prevendo um aumento de lesões nos jogadores mais focados.

De acordo com Luís Teixeira, mentor e presidente da Associação Spine Matters “é positivo que um jogo esteja a colocar, em massa, as pessoas de volta o movimento ao ar livre. Mas é preciso fazê-lo de forma muito mais consciente do meio envolvente: entorses, ossos partidos ou outro tipo de lesões mais graves também fazem parte deste horizonte”, começa por explicar.

Para além do elevado risco de acidente, que advém da colocação do mundo real para segundo plano em prol do jogo, já há muito que são conhecidos os perigos do “pescoço de SMS”.

“Os estudos realizados na área revelaram que a força exercida no pescoço de um adulto a olhar para o telemóvel pode variar entre os 12 e os 27 quilos, e sofrer uma inclinação entre 15 a 45 graus. Estamos a falar de uma pressão extrema para esta zona, que pode levar a um desgaste precoce, degeneração e até cirurgias. Ora, se a tendência já existia ao longo do dia, na consulta regular de e-mails e redes sociais, ou envio de SMS, o tempo despendido em torno do jogo fenómeno só veio aumentar os riscos associados a esta exposição”, continua o especialista.

Com o intuito de minimizar os riscos do Pokemon Go e pontenciar os seus benefícios, a Associação Spine Matters recomeça que a caça virtual seja realizada pelo menos a pares, estando sempre um dos elementos encarregue de lembrar o outro de fazer pequenas paragens ao longo da busca, facilitando o descanso de alguns minutos numa posição correta e de pescoço erguido.

PUBLICIDADE

© 2021 Vital Health | Todos os direitos reservados | Designed by IPSPOT_ and Developed by Webview